quarta-feira, 18 de janeiro de 2012

APELAÇÃO

Não havendo nada que a mim mesmo interesse registrar do meu cotidiano e, ainda que não tendo como compromisso postar, fui ao encontro do cotidiano mais amplo. O que se passa? Quais são os acontecimentos dignos de nota e que possam interessar? Estaria com isto prestando um serviço aos meus leitores, se é que se faça necessário e se é que alguém que me procura me procure por isto. Acho que não.
De qualquer forma penso que devo afastar-me um pouco, ver se encontro algo sobre o que eu possa comentar, criticar, opinar, fora do meu dia-a-dia. Talvez buscando fatos que sejam de maior interesse eu reduza, por tabela, a minha angústia detectada por Júlio em seu comentário (http://www.blogdoagulho.com.br/2012/01/colon.html).
Sobre o quê, e de maneira geral, é imperioso estar sabendo? Nem que seja para comentar nas rodas de bar, no escritório, na praia, em encontros com amigos. Você soube? Você viu? Você leu? Para se ter uma sensação de conexão com a vida, uma inserção no tempo e no espaço.
Conclamo aos meus queridos leitores para ajudar-me nesta tarefa. Via Comentário vocês poderiam trazer MANCHETES para que pudéssemos ampliar o nosso interesse pelo que se passa. Vale qualquer assunto, mas que possa despertar o interesse de outros.
Se bem que, de pronto, sinto que vou alargar minha frustração. Podem alguns supor que com isto eu esteja querendo ampliar o meu repertório de assuntos para poder postar, dando um gás no dasletra, e não enviarem nenhuma MANCHETE. Mas, e se não houver mesmo nada sobre o que vale a pena saber?
Claro que estou falando de acontecimentos, de fatos importantes na cena local ou global. Não de conhecimentos que melhorem nossa performance, compreensão ou outras questões que melhorem a nossa operação do dia-a-dia. Por exemplo, ah... Isso todos sabem.
Gostaria de começar nossa tarefa e coloco um nome na empreitada: O QUE SE PASSA? Ficou até legal o nome, dando um sentido duplo, o que está acontecendo e o que cada um passa ao outro para que esteja sabendo. É importante que a manchete tenha veracidade, não produto da nossa imaginação, quase sempre fértil. Não é necessário apontar as razões para essa ou aquela MANCHETE. Claro que Blog é aberto, então fica à vontade, pode até justificar porque no seu entendimento é importante que se saiba.
Eu espero que participem e que me inundem de interesse. Que me apontem a atualidade como um momento histórico com fatos relevantes que ampliem a nossa satisfação de fazer parte, ainda que como espectadores.
Em uma pesquisa rápida, no dia de hoje, das manchetes principais nos melhores veículos de mídia impressa, colhi:
·         Mercado de combustível cada vez mais irracional
·         A China atinge 505 milhões de usuários da internet
·         Barrichello parou
·         O capitão abandonou o navio
·         Não esperem muito da reforma ministerial
·         Cientistas criam ‘detector de mentira’ para pessoas em dieta
·         No sábado, no BBB, não ocorreu penetração
·         Padre de Las Vegas é condenado após apostar US 650 mil da igreja
·         Mulher morre após cirurgião tirar órgão errado
·         Cientistas listam quatro descobertas recentes sobre o Universo
Se continuar assim, ou se vocês não colaborarem com O QUE SE PASSA, volto ao meu cotidiano.

Até breve.

11 comentários:

  1. Hj o BBB ainda está nas manchetes, com o caso Monique-Daniel. Não sei se rende mais comentários, mas que está todo mundo comentando, está! Bjo!

    ResponderExcluir
  2. Eu gosto mesmo dos assuntos sobre o cotidiano, mesmo que prevaleça comedia, uma aventura, um suspense ou um drama tb caem bem... Assuntos aleatórios como o dissidentes do PC do B, tb alegram o dia... E é assim como Nelson Rodrigues: A vida como ela é! Vc tem um dom, Nao pode parar...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Tem coisas que nós vamos guardar, num vamo?

      Excluir
  3. Eu gosto da pessoalidade, do jeito que você escreve quase para você mesmo, sem se preocupar com a opinião ou julgamento de seu público. Quando ninguém esta olhando, é quando demonstramos o nosso verdadeiro eu. Você age assim, com liberdade.
    Outro ponto que se destaca é o compartilhamento de momentos da intimidade com a devida privacidade. Você falou de suas viagens, de seus tralhos, da família, etc. E nós ficamos aqui, tipo Big Brother, espiando. Tenha certeza que alguns com admiração e outros nem tanto. Mas e daí... cada um com seus problemas!

    Acho que você esta experimentando os sabores que o blog pode ter, e independente do assunto, o que você não pode perder é sua essência, que é ser o Seu blog.
    abraço,
    Julio (julinho)

    ResponderExcluir
  4. Falando da atualidade...gostaria de lhe sugerir um retrospecto de Sua vida a respeito dos pecados. Os famosos 7 Pecados Capitais foram criados pela Igreja Católica no século VI e são os conhecidos Luxúria, Gula, Avareza, Ira, Soberba, Vaidade e Preguiça.

    Será que eles continuam capitais atualmente? Eles até foram "atualizados" pela igreja em 2008 conforme algum canto da Internet.

    Minha proposta é que você questione-se quanto a validade destes pecados, fale de outros, crie sua lista dentro de contextos (por exemplo, Trabalho, Família, relação social, etc) e traga de sua experiência fatos e recomendações de como lidar com eles.

    Todos somos pecadores e vivemos em busca de nossa redenção, certo?

    Abraço

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pô, anônimo, assim a queima roupa? Posts a frente vou ver se dou conta. Antes da igreja católica havia "pecado"? Nasce junto com ele uma das maiores expressões humanas do arbítrio? É oportuna sua proposta. Estive em Cartagena visitando museu (hoje) da inquisição. Quando for tocar nesse assunto ilustrarei com um dos dispositivos de tortura utilizado na época. Brigado pela tocada.

      Excluir
  5. Quer um assunto atual?
    Que tal Liberdade de Expressão. Hoje, dia 18/01, é o dia escolhido para protestar contra o projeto SOPA (http://pt.wikipedia.org/wiki/Stop_Online_Piracy_Act).

    Falamos de liberdade de expressão na Internet, mas temos esta liberdade em nossa casa, nossa empresa, nosso bairro?
    Queremos nos expressar ou apenas ficar assistindo ou "espiando" como diz o Bial?

    Gostei da sua participação nos comentários.

    abraço,
    Júlinho

    ResponderExcluir
  6. Ai, Julinho, nesse endereço tem um vídeo esclarecedor:http://t.co/eHyDBgzY.
    Forçando um pouco a barra acho que esse assunto do projeto SOPA tem a ver com a proposta que o querido anônimo acima pede que eu desenvolva. Olha a inquisição aí, gente!!!

    ResponderExcluir
  7. Carissimo Palavrador,
    Estarei de volta e temas não te faltarão, rsrsrs.

    A escolha do tema tem haver com o que cada um está passando em seu momento. Você como enxerga além do além, vai aquela velha máxima de quando se está perdido em Cartagena, "Siga seu coração".

    ResponderExcluir